Uma década do começo de tudo

Decidi contar esta história ao perceber que em 2021 se completa uma década do começo de tudo. Um relato em que as trajetórias de uma mulher e de uma empresa se cruzam. Duas jovens que caminharam juntas para a maturidade, ganhando clareza de suas metas e objetivos, e de como superar os percalços do caminho para alcançá-los.

Há dez anos, em 2011, uma estagiária de social media foi contratada para trabalhar na Moringa Digital. O mundo naquela época ainda não conhecia o Instagram para Android, anúncios do Facebook para mobile e estava experienciando o boom de concursos culturais nas redes sociais.

Essa estagiária era um pouco diferente das contratações que costumam ocorrer hoje em dia para esse cargo. Ela já era mais velha, com 26 anos, mãe solo de um filho de cinco anos e com uma sede muito grande de se formar e transformar a própria vida. Afinal, sentia o peso do tempo passando e a idade avançando.

Ela estava presente diariamente em nossa agência. Acompanhou a transição do nome, a reestruturação de novos negócios e a conquista de contas tão importantes. Mas o que ela não poderia imaginar era o tamanho da transformação que essa vivência traria para sua vida. Ela construiu sua história e sua carreira por quatro anos conosco. Do estágio, tornou-se analista de social media. De social media, tornou-se analista de planejamento. De planejamento, tornou-se coordenadora de planejamento e monitoramento.

Então, ela se ausentou por dois anos para encarar novos desafios e voltou há exatamente quatro anos, assumindo como head de planejamento novamente. Desde lá, muitas coisas aconteceram. Muitas pessoas vieram. Muitas pessoas se foram. E o caminho dela se capilarizou para novas oportunidades e atribuições na área de operações. E, finalmente, chegou ao cargo de diretora.

Essa estagiária sou eu. Completo dez anos desde o primeiro contato com a Moringa. E por que eu estou contando isso? Porque gostaria de compartilhar mais duas coisas! (Me perdoem pelo textão.)

A primeira delas é que, em dez anos de relacionamento com a agência, posso garantir que estamos no momento mais maduro, próspero e otimista. É uma grande satisfação fazer parte dessa fase única e cheia de oportunidades. Sem contar que é um enorme prazer trabalhar com profissionais tão competentes e únicos. Nosso time está cada vez mais redondo e fluido, e eu tenho muito orgulho disso.

A segunda é que, quando contamos uma trajetória de conquistas, poucas vezes mostramos as sombras que nos acompanharam nesse percurso. Então gostaria de resumi-las rapidamente. Eu vivi muitos aprendizados, muitos altos e baixos, rompi muitos padrões e me desapeguei de muitas crenças. Errei. Lutei. Acertei. Me envergonhei. Foram turbilhões de emoções. Mas sempre busquei ter o olhar para o desenvolvimento. Nesse processo, contei com o apoio, a paciência, o cuidado e a aceitação dos meus gestores e parceiros. Ao longo desses anos todos, se eu pude crescer, é porque tive o chão para me apoiar quando precisei. E a Moringa foi meu abrigo.

Agradeço à empresa, aos irmãos Ladeira, que se tornaram amigos queridos, e a todos que me permitem retribuir todo o acolhimento que tive e tenho nesse tempo como diretora de operações.

Obrigada, Camila Carrano.

Somos uma agência de várias culturas, várias línguas, várias formas de pensar, agir e ser.

Somos uma agência de várias culturas, várias línguas, várias formas de pensar, agir e ser.